Marcadores

06 abril 2011

Uma Parábola de Suspense 02-04

Red Eyes e Abner são um coelho e um gato que vivem em eterna disputa. Nessa ocasião, Red parece ter levado a melhor... será?



Não perca o proximo parte, sexta feira.

10 comentários:

Nayara Cristina disse...

Não consegui ouvir bem a fala do outro personagem, o azul.

Wedersom Arantes disse...

Hei, obrigado pelo comentário!
Você tem razão, o áudio ta com alguns problemas mesmo, principalmente com o Abner (o gato azul). Isso porque o meu equipamento de gravação é uma piada! Mas já to trabalhando nisso e acredito que em breve vou estar com algo mais profissional =)

Nayara Cristina disse...

Já pensou em gravar no estúdio?
Imagino que ficaria de primeira!
Só que é caro...

Wedersom Arantes disse...

Claro! Isso seria o ideal, né?! Mas como você mesmo disse: “é caro”. E não é apenas chegar e gravar. Tem os ensaios e os erros que sempre acontecem. To produzindo mais oito episódios de mais ou menos um minuto cada e levei a semana passada toda só pra gravar as vozes. É muito tempo, e se eu tivesse pagando um estúdio esse tempo todo... imagina!!
Como ainda não tenho audiência o suficiente para bancar uma produção mais ‘profiça’, tenho que me virar com o que eu tenho aqui. Mas estou conseguindo um apoio ($$$) e to montando um mine estúdio aqui em casa mesmo. Alem das vozes, vai me ajudar com as trilhas sonoras.

Nayara Cristina disse...

eu ainda to no lápis, mas to montando um modelo de negócio (gestão) e os episódios (roteiro, concepts, letras de música,...)
Acredito que no mês que vem vou ter uma tablet.
Já é um avanço.
Esses erros são necessários mesmo...
O meu tipo de desenho não sei se vai dar pra publicar na net, pq tem muitos detalhes no traço, dos personagens e do cenário.
Só fazendo mesmo pra saber.

Wedersom Arantes disse...

Como você ta pensando em animar “todos esses detalhes”?! Se você acha que são “detalhados demais para web”, não seriam detalhados demais para “animação” também?

Digo isso porque, se você observar aqui (http://bit.ly/idFKfi), por exemplo: vai ver que originalmente eu também desenho com mais detalhes. Mas como gosto de animar quadro a quadro eu simplifico bastante para que o projeto seja viável (afinal, assim como você, eu to animando sozinho).
No caso de animação 3D, que o lance de animar é bem diferente, eu me permito mais detalhes. Veja aqui: http://bit.ly/hf04Dh, por exemplo, que tem umas imagens desde o lápis até o render final. Esse é outro projeto que to desenvolvendo com um roteirista amigo meu, mas ta parado porque ambos estamos ocupados com outras coisas no momento.

Nayara Cristina disse...

O 3D não é pra mim não.
Vi seus links, curti o efeito de luz das lâmpadas de fora e por dentro do cômodo como reflexo na janela.
E ele todo escuro, também.
Me espelho muito nessa imagem
http://www.google.com.br/imgres?imgurl=http://www.cinedica.com.br/capas/11829.jpg&imgrefurl=http://www.cinedica.com.br/Filme-Bob-Esponja---Desenho-11829.php&usg=__11KB2AUzjHq7oWHzDPKRWd4rsgM=&h=400&w=337&sz=47&hl=pt-BR&start=0&sig2=IDnFKgALmuawwmwRhLi3Jw&zoom=1&tbnid=Vft4BMIdcD-e3M:&tbnh=165&tbnw=139&ei=iKylTcv9G-yI0QHdxsjnCA&prev=/images%3Fq%3Dbob%2Besponja%26um%3D1%26hl%3Dpt-BR%26sa%3DN%26biw%3D1024%26bih%3D677%26tbm%3Disch&um=1&itbs=1&iact=hc&vpx=777&vpy=106&dur=1564&hovh=245&hovw=206&tx=104&ty=102&oei=iKylTcv9G-yI0QHdxsjnCA&page=1&ndsp=14&ved=1t:429,r:4,s:0

do Bob esponja como detalhista.

Wedersom Arantes disse...

É nesse nível de detalhes que você pretende animar?! Agora?! Sozinha?!

Nayara Cristina disse...

Eu consigo.
Tava aprendendo como é que funciona meu processo criativo, a construção de imagens e tal.
Daí busquei referências muuuuuito boas tipo essa.
E com a tablet do Ian, que já peguei emprestado, reproduzi essa imagem.
Por isso que gosto dela.
E ainda quero o piano como tipo de som predominante na trilha sonora.
Bateria em segundo lugar de importância sonora e a guitarra, por último.
To escrevendo ainda.
Acredite e se esforce e tudo o que desejar acontece. É meu norte.
Só que não vou fazer animação sob encomenda não.
Vou fazer e tentar vender.

Wedersom Arantes disse...

Achei melhor continuar essa conversa por e-mail...